artigo # Pseudo Messias da terceira idade conhecido como “Rebe” do Chabad-Lubavitch vive!

Para quem estava esperando um “Mashiach” (Messias) ali por volta dos seus 33 anos, um cara boa pinta e inteligente! (como eu,glup!)…Enfim! eis que a turma da judiaria participantes de um grupo “messiânico” denominado de CHABAD-LUBAVITCH, o qual possui como sede internacional a cidade de Kfar Chabad, próxima a Tel-Aviv/Israel  pode acabar frustrando as expectativas, assim como os desejos mil mais sutis, das mocinhas profanas e cristãs contemporâneas Gospel….Misericórdia Jesus, desperta o teu povo!

Segundo fontes, esse grupo RELIGIOSO seguidores dos ensinamentos da  Kabalá (macumba de intelectuais, artistas, milionários e etc!) possuem o CONTROLE do SISTEMA SIONISTA, o qual, construíram (na marra) o seu novel estado de Israel, consubstanciado pela MENTIRA, pelo misticismo, a guerra, a apropriação ilegal de territórios, bem como o desrespeitos pelos povos  autóctones do planalto e litoral da Judéia…Pasmem!, diz-se que essa turma menospreza os verdadeiros semitas “Judeus Sefarditas”, principalmente os coitados de sua prole africana e da região das arábias.(os quais são menos de 20% do estado de Israel, cerca de 2 milhões de sofredores.

Pois que, é sabido por muitos historiadores, assim como pessoas interessadas no tema da pseuda fundação do estado de Israel como estabelecido, o qual não passou de uma grande farsa da ONU, em conluio com os SIONISTAS (grupo Illuminati) financiado pela família de banqueiros judia Rothschild e outros do mesmo naipe conspiratórios. (bom!, isso fica para outro post tá…me empolguei!,Ops!)…Já ouvir dizer que eles objetivam  facilitar o acesso do anticristo e/ou o seu falso Messias ao controle do mundo.(pois é, quem vê cara! Não vê coração…diz o ditado!).

O tal grupo pseudo messiânico “CHABAD-LUBAVITCH” como vocês poderão comprovar em um belo artigo (de apenas 22 páginas, Ops!) que repercutirei (AQUI) Nos traz uma visão panorâmica sobre o grupo religioso seguidores da Kabalá, o qual usa sutilmente a Torá, bem como  os princípios da Zorar, Tanak e do Talmude, com inttuito de estabelecer a sua utopia messiânica na terra, e nos empurarar de goela abaixo um falso Messias da “Terceira Idade”. (só faltava essa hein!)

UMA VISÃO DE UM JUDAIZANTE SOBRE O GRUPO ORTODOXO CHABAD-LUBAVITCH

Estes meus irmãos & irmãs!  tentam usurpar o direito adquirido por Yeshua/Jesus com a sua morte na cruz…Essa turma ”é capaz de dar uma de coveiro, só para pegar o defunto!”…Sabia, que eles são donos do Banco Mundial, do Bird, bem como do banco  central americano e até fazem empréstimos para o Brasil, especialmente para o Tocantins e Araguaína (estamos é lascados meu povo!).

Pois bem queridos & queridas!…vou abrir o jogo doa a quem doer… Essa turma da judiaria que ora estão ocupando ilegalmente Israel, não são judeus originais, mas sim, CAUCASIANOS “Askenazim” da Europa oriental (principalmente originários da Rússia (Rós) entendes! (basta querer) são arianos bárbaros, especialmente da região da extinta  Kazaria (hoje, toda  aquela região entre o mar negro, parte da Alemanha, Polônia, e parte da Rússia (Ali a maioria dos judeus da Diáspora se entocaram fugindo dos romanos). Isso eu duvido se  os “religiosos”  falarão para vocês. Em seguida,  diz-se que eles se imiscuíram com os bárbaros que habitavam a região (isso depois eu conto, ora se conto!).

Ih!, peraí! acho que essa introdução estar ficando muito grande…Entonce!!…vamos ao que interessa de fato, pois o conteúdo vai arrebentar os chifres da BESTA.(Aleluias!). Aproveito portanto esta deixa, para socializar aos amados & amadas…dizer que,  possivelmente esse post possa deixar a turma da judiaria; os falsos religiosos; os Illuminatis; e todos os  apaziguados ilusionistas de calças curtas!…

Apresento também alguns vídeos mais sucintos para corroborar com a temática do grupo ORTODOXO CHABAD-LUBAVITCH, e suas ilusões messiânicas da “Terceira Idade”. Por conseguinte, vos solicito humildemente a ler o conteúdo completo desse  belíssimo artigo com apenas 22 páginas (vou colocar no LINK do Instituto Cristão de Pesquisas-IPC) Tema: Defesa da Fé – O Rebe – O novo messias dos judeus.

Informo ainda que eu li o MEGA artigo citado na íntegra (Ufa!), passei a semana assistindo vários vídeos e Live sobre o tema;  objetivando tão somente trazer para a amada Igreja Remanescente de nosso Adonai Yeshua/Jesus, o verdadeiro Messias,  uma pauta verdadeira e sem fundamentalismo religioso. Bem como, socializar um conteúdo de qualidade Cristã com “Base Bíblica”, inclusive na “Ferreira de Almeida”, Aleluias! (Ainda bem que desigrejei, hein!…graças a Deus!)…Infelizmente não fui “ordenado” para pregar ($)…AMÉM!!!

UMA VISÃO SOBRE O SUBMUNDO REAL DO GRUPO CHABAD-LUBAVITCH

O Rebe – O novo messias dos judeus

Por Luis Gama e Elvis Brassaroto Aleixo

Desde tempos remotos, a história da religião judaica traz consigo uma cisão que resultou em dois grupos importantes entre os judeus. De um lado, os que seguiam a lei escrita, a Tanak (Bíblia hebraica). Do outro, os seguidores da lei oral (tradições) e do Talmude , com tendência ao misticismo e ao ocultismo, que geraram a Cabalá e o Zohar .

Por conta dessa divisão, surgiu a oposição entre os fariseus (perushim), seguidores do Talmude, e os essênios (issi’im), que exerceram influência na época de Jesus e na Idade Média, sobre os talmudistas e os cabalistas.

Com o passar do tempo, devido à subordinação e às observações cada vez mais radicais na Europa, as oposições judaicas culminaram com o surgimento do movimento ortodoxo que se tornou conhecido como chassidismo, ou hassidismo (judaísmo ortodoxo).

O chassidismo foi fundado em 1740, na Polônia, pelo rabi Yisrael Ben Eliezer, conhecido pelo nome de Baal Shem Tov, que significa: “o senhor de boa fama”. Durante o surgimento do movimento, houve um sério cisma entre os judeus chassídicos e os não-chassídicos.

Uma das ramificações mais relevantes dessa corrente é o Chabad-Lubavitch , filosofia religiosa judaica que ensina a compreensão e o reconhecimento do Criador por meio da ampliação das três qualidades intelectuais: chochmá (“sabedoria”), biná (“entendimento”) e daat (“conhecimento”). O acróstico dessas três palavras hebraicas forma o vocábulo Chabad. Desse movimento, são oriundos os rebes , mais especificamente o rabino Menachem Mendel Schneerson, aclamado, atualmente, como o tão esperado Messias dos judeus. A linhagem dinástica dos líderes de Lubavitch teve início no século 18, com seu fundador, o rabino Shneur Zalman, autor das obras básicas da filosofia Chabad: o Tanya (“ensinamentos”) e o Shulchan Aruch HaRav (“código da lei judaica”).

Lubavitch, “a cidade do amor”, era uma pequena região do condado de Mohilev, na Rússia, e se tornou a residência dos líderes do movimento em 1814, quando o rabi Dovber, filho e sucessor do fundador, estabeleceu-se ali. Por mais de um século (até 1916), perpassando quatro gerações de líderes Chabad-Lubavitch, Lubavitch permaneceu como centro do movimento. Seus líderes ficaram conhecidos como Lubavitcher Rebes...(clique)

CONTINUE LENDO ARTIGO ESPECIAL AQUI,CLIQUE…

Categorias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s