Irmão Ryba  –  meados de junho de 2015/Araguaina-TO.

Me encontrava mais uma vez envolto em meus sonhos da noite em meados do mês de junho de 2015. Ali por volta das 05:00 horas da madrugada fui visitado pelos meus dois guias celestiais (…) os quais me acompanham desde 1985 quando aceitei participar de uma igreja evangélica…Entrementes, hoje milito no Cristianismo apenas como Cristão Desigrejado (graças a Deus!)…o Messias tem lá seus motivos por permitir isto acontecer, aleluias!

Naquela ocasião fui arrebatado em espirito (acredito!), para conhecer uma outra realidade celestial jamais concebida por mim, quiçá por um cristão e/ou místico na face da terra. Ao subirmos pude ver meu corpo relaxando gostoso na minha rede de fustão nordestino. Meus dois guias celestes me disseram, que me fora permitido ver o desconhecido para a maioria da humanidade, por conseguinte, o eterno me socializaria a realidade primordial da vida e de nossa existência aqui na terra.

Meus dois guias celestiais, me ajudaram naquele maravilhoso translado através dos tempos jamais conhecido pelo homem. A sensação que eu sentia naquela viagem épica nunca havia usufruído na terra,  Tudo aquilo, era como se eu pertencesse aquela realidade por algum tempo no passado, e agora estivesse voltando ás origens do homem. Pasmem!  Era como se lá em acima tivesse uma espécie de ima a sugar o meu espirito para o infinito desconhecido. Confesso meus amigos & irmãos!, se eu não tivesse parado de usar drogas há mais de 33 anos, especialmente de puxar um baseado de maconha (…) diria que estaria viajando até hoje…tá ligado!.

Na medida que nos elevávamos rumo ao Monte Sião (morada eterna do grande Elohim e dos anjos), meus dois guias celestiais me confabulavam coisas inacreditáveis sobre os mundos acima de nós. Fiquei chocado ao saber que da baixa terra ao nosso destino acima no Monte Sião, havia  outros mundos criados pelo grande Elohim Yavé, o eterno (Deus dos israelitas e dos verdadeiros cristãos), confesso, que jamais ouvira tal afirmação na minha igreja. Pois como cristão evangélico fui colocado como os demais, dentro de quatro paredes (‘currais religiosos”?…valeu boi!, valeu bodes!) e aprendido o evangelho secular tão somente com a visão sectária denominacional.

Pasmem meus amigos & irmãos!…meus dois guias celestes me socializaram com permissão do eterno, (claro!), que a verdade primordial não seria o mundo físico tal qual conhecemos aqui na terra, Mas sim, a realidade primeira é o mundo espiritual (…) de onde se origina a luz e a vida do (Monte Sião), Lá amados, é a eterna morada do grande Elohim e dos anjos do Adonai ( assim como de sua infinita criação (Seres de luz), vivendo felizes em seus mundos maravilhosos em perfeita harmonia celestial pelos séculos dos século…Amém!.

Tive o privilégio de conhecer (quem diria hein irmãos!), possivelmente como fora mostrado para o apóstolo Paulo, quando Elohim, o eterno, lhe socializou até o terceiro céu, conforme o seu entendimento de homem de visão primitiva do século I, onde o mesmo ficou maravilhado com a visão do reino de Deus dada pelo grande Elohim naqueles idos da igreja primitiva.

Meus dois guias celestiais me levaram acima do nosso sistema solar (universo visível)…onde havia uma separação pelo vácuo desconhecido (…) do nosso mundo, para um outro mundo seguinte, o qual era incomunicável com o nosso sistema solar. Eu fiquei atônito com aquela nova realidade que estava sendo me mostrada naquela ocasião. Meus dois guias celestes me faziam entender que ás galáxias e seu sistema solar, criadas naturalmente pelo grande Elohim, eram como se fosse imensas fatias de universos e, (separadas entre si por um vácuo negro). Porém, a grande obra prima do Adonai (galáxia/terra) havia sido sabotada e estava em desequilíbrio ambiental, bem como espiritual diante do seu criador.

Vi os universos em camadas até chegar ao Monte Sião (Trono de Deus)

Ao voarmos pelo espaço vazio que nos levaria a ultrapassar um novo universo, vi que o nosso sistema solar abaixo estava envolto em uma imensa bolha cinzenta e densa, a qual impedia a luz radiante do grande Elohim de penetrá-la com intensidade. Com muito esforço e quase desfalecido, fui tirado dali para conhecer outro universo conforme foi o meu entendimento. Dali para cima tudo era desconhecido para mim, quiçá dos livros de historia gerais da astronomia, bem como religiosos e/ou místicos.

O mundo que eu e você conhecemos e aprendemos que é real (…) não passa de uma ilusão criada pelo rebelde querubim Azazel…Se preferir pode chama-lo de; Abadon, Jabulom, G.A.D.U, Satanás, o popular capeta…(Lúcifer) o qual nos mantinha alienados da verdade primordial divina através de seu “Sistema Bruto” secular. Todavia, agora somos livres pelo sangue do cordeiro que lavou nossos pecados lá na cruz do calvário.

Meus dois guias celestes me levaram a conhecer em transito celestial, outros seres de luz, assim como criaturas divinas jamais imaginadas pelo homem. Fiquei sabendo que há milhares de mundos perfeitos e harmoniosos acima de nós. Aqueles mundos que foram me mostrados naquela ocasião, funcionam em consonância com ás diretrizes estabelecidas provenientes de cima do Monte Sião.(Certamente o céu é um imenso Sistema Divino em Harmonia). Vi criaturas de luz com semelhança humanas, assim como outras espécies perfeitas, todavia, infinitamente radiantes de luz, amor e felicidade!. Pude ver animais e aves como se fossem alados voando nos céus (conforme meu entendimento humano) porém, estes seres eram dóceis, inteligentes e comunicáveis entre si, e vivendo numa perfeita civilização celestial.

Aqueles mundos os quais me foram dados a conhecer, havia perfeita ordem e equilíbrio em sua natureza, bem como no campo espiritual conforme o meu entendimento humano. Seus sistemas de gestões funcionavam com perfeição, de acordo com que era estabelecido pelos seus gestores celestiais. Meus dois guias  celestes me disseram que cada mundo e/ou galáxia criada pelo grande Elohim Yavé, o eterno, havia uma autoridade divina responsável tipo: (Querubim, Serafim etc…) ligadas intrinsicamente com o grande trono vivo do Monte Sião, aleluias! (aquele sistema divino funcionava  como se fosse a própria extensão do reino do céu)…um infinito reino de luz  eternal, onde existe paz e amor sem fim, aleluias!.

Ao ultrapassarmos diversos planos de mundos universais, chegamos ao limite permitido para mim pelo grande Elohim, o eterno. Pois, segundo os meus dois guias celestiais, a minha civilização humana e nosso sistema solar (universo baixo), estavam afastados da presença do eterno, Ancião de dias o grande Elohim/Yavé, o qual estar assentado para sempre no seu trono no Monte Sião acima de nós e de outros mundos desconhecido pelos humanos.

O mundo no qual servia de limite para a minha observação ao Monte Sião era perfeito e esplendoroso da luz divina, seus seres eram amáveis e não conheciam a desobediência (o popular pecado), tal qual éramos prisioneiros aqui na baixa terra pelo grande querubim rebelde Azazel/G.A.D.U (Lúcifer), o qual faz tropeçar os filhos da luz em sua caminhada ao Monte Sião. Pois, segundo meus dois guias celestiais, o nosso vinculo com o pai fora quebrado lá no Edém (Jardim do grande Elohim) devido a desobediência ás suas diretrizes de governo divino.

O nosso criador e amante celestial Elohim Yavé, o eterno, passeava nas manhas e tardes no Édem, tão somente com o fito de confabular com a sua mais nova criatura universal (criada a sua imagem e semelhança, o homem). Satanás/Abadom/G.A.D.U, o invejoso, sabotou aquela linda história de amor celestial. Onde o eterno Ancião de dias, criara um paraíso físico perfeito chamado terra somente para amar a sua criatura humana. Contudo, o querubim infame e despeitado Azazel (Abadom, o G.A.D.U.), foi transformado no diabo por ter seduzido, enganado e roubado o grande amor primordial do grande Elohim, o homem (…),a mais nobre da criação divina.

Acima de nós pude ver uma grande assembleia divina, todavia, não me era permitido participar junto aos tais daquele conclave celestial.(pois não suportaria a luz que emanava dali, e certamente morreria pelo seu esplendor). Naquele mundo que me servia de abrigo, eu acompanhava o desenrolar dos acontecimentos que eram expostos diante do grande trono sobre o Monte Sião.

Ali,(mistério!) e diante dos meus olhos pude ver estupefato um colossal trono vivo com relâmpagos coloridos saindo de si.. ôh glórias! O mesmo havia grandes animais estranhos e ferozes, mas, ao mesmo tempo dóceis ao seu derredor, os quais, protegiam o ser de luz assentado no trono monumental. Havia ao fundo do mesmo um painel vivo todo colorido com, assim como um piso de pedras preciosas, de forma que, quando o ser divino se movia, tudo se movia ao seu derredor. Continuei a observar por detrás daquele gigantesco trono vivo, vi nuvens que se moviam como se fosse imensas rodas vivas que o suspendiam no ar.

Em outro plano ao derredor do trono vivo, vi seres de luz com fisionomias humanas com seus cabelos e barbas todas brancas e brilhantes. Vi também criaturas divinas glorificando sem cessar aquele que estava assentando no trono . Sim, meus amigos & irmãos, eu podia vislumbrar por detrás daquele ser, seus cabelos brancos e brilhantes, assim como um vislumbre de parte da face iluminada “Daquele” que estava sobre o trono!, aleluias!..ôh glórias!. A sua voz era poderosa e suave ao mesmo tempo, de forma que todos o temiam, Todavia, o amavam profundamente e voluntariamente de todo coração e entendimento pelo dom da vida dada por “Ele”.

Naquele interim o céu acima de nós se abria de todos os lados, e vi chegar aquele lugar milhares de milhares de caravanas representantes de outros mundos, os quais foram criados pelo grande Elohim, o eterno, o qual encontra-se assentado no seu trono majestoso no Monte Sião. Os seres de luz viera para aquele conclave divino para participar do julgamento do querubim (Satanás,o G.A.D.U.) que havia se rebelado contra Yavé,o eterno, bem como, contra a sua criação. Tal ser mal agradecido optou viver através do seu livre arbítrio, criando para si um mundo paralelo de ilusões e empoderamento terreno, fazendo com que a mais bela criatura divina,(o homem), se afastasse da presença do eterno Ancião de dias lá no Édem, Jardim do grande Elohim o paraíso na terra.

Ouvir som de trombetas no céu, anunciando o inicio daquela grande assembleia universal dos filhos do grande Elohim (Deus). Numa espécie de mesa viva estava assentados vários seres de luz que faziam a função de juízes na sessão. Eu os avistava por detrás do trono vivo.(naturalmente). Diante de todos estava um ser divino iluminado, ladeado por um Querubim Ungido que fizera a religação do homem com o seu criador, o seu Messias. Naquele momento foi dada a ordem para soltarem o rebelde querubim Azazel, G.A.D.U, Satanás, o capiroto!. O qual apareceu em duas formas…de uma grande serpente, e de um enorme dragão sobrevoando o céu.

Foram abertos livros de anotações desde o começo do mundo, os quais foram lidos relatórios diante da colossal Assembleia dos filhos do grande Elohim, o eterno. A serpente e o dragão tentaram persuadir a assembleia que a criatura terrena os seguia de livre espontânea vontade, portanto tinham direito sobre ela, bem como sobre o seu mundo e sua galáxia. Os anciões que faziam a função de juízes protestaram contra o rebelde ser multiforme, uníssones…- ”traidor, traidor, traidor…diziam!, os quais eram seguidos pela imensa assembleia presente. Pois era notório para todos dali, que o novo ser (o homem) criado por Elohim, o eterno, estava num período de prova de fidelidade para com o seu criador naquele paraíso da terra. Contudo, o mesmo foi persuadido pela malícia do querubim rebelde a desobedecer a Yavé, afastando-se daquele que lhes dera a vida e um lar perfeito. alegava os Anciões que estavam diante do trono em seu julgamento.

Naquela altura da sessão celeste, a Serpente e o Dragão protestavam veementemente tentando culpar a criatura humana, por aceitar através do seu livre arbítrio uma nova realidade de vida, assim como viver em um mundo de ilusões conforme o seu desejo pessoal. Os anciões juízes rechaçaram todos os seus argumentos e votaram favoráveis pela condenação do ser rebelde multiforme, por levar a mais bela criatura criada pelo grande Elohim, o eterno, ao erro da desobediência.

Os Anciões que atuaram como juízes naquele júri universal, mostraram para a assembleia que Yavé, o eterno, havia providenciado um meio de religar a sua criatura (o homem) consigo. Nisso foi apresentado um cordeiro morto e ensanguentado diante da assembleia, o qual se transformou num grande Querubim Ungido em defesa do homem. Este ser de luz havia saído das entranhas do Adonai, e vivificado o espirito morto do homem e reconciliando-o com o eterno, através do espirito consolador (Kadosh) do pai dentro de si. Desta forma o grande Elohim, o eterno, poderia novamente ter comunhão com a sua criatura humana na terra. Portanto, o homem foi justificado pelo sangue do cordeiro sacrificado no calvário, o qual foi morto em favor de muitos que se reconciliaram através da nova aliança com o grande Elohim Yavé, o eterno.

Após apresentarem a justificativa da salvação e reconciliação do homem para com Deus, o presidente do júri naquela sessão (o grande Elohim, o eterno Yavé), aceitara a oferta e determinou as penas para a Serpente e o Dragão. Nesse momento, foi chamado o grande Querubim Ungido (Emanuel), o qual estava ao lado do ser de luz no trono para tomar posse definitivamente da terra, bem como de tudo que nela há para sempre.

Em seguida o ser rebelde multiforme (diabo, G.A.D.U, Jabulom) e toda sua turma, os quais fizeram tropeçar o homem na terra, foram vencidos pela espada flamejante divina do filho de Yavé.o grande Elohim.  Assim amados, o ser multiforme rebelde (Satanás/G.A.D.U., o capeta!) e seus apaziguados, foram jogados num grande lago de fogo e enxofre para sempre por ordem do salvador da humanidade, conhecido na terra como Yeshua “Jesus” o Messias. Naquele momento…aleluias!, ouvir um esplendoroso brado de vitória no céu entoado por todos os filhos do grande Elohim Yavé, o eterno… Era muita glórias meus amigos & irmãos!…Só estando lá novamente para comprová-la e participar do grande júri final da condenação de Satanás!!!…AMÉM!!!

UMA VISÃO ILUSTRATIVA (MAIS APROXIMADA) DO TRONO DO GRANDE ELOHIM YAH!!!

Posts recentes

Categorias